Textos

Escrevinhar(Te) | Morre com memórias não com sonhos

Hey Dreamers!
A escrita tem sido uma descoberta para mim, primeiro com o blog e agora com desafio de escrita no qual decidi participar.
O Escrevinhar(Te) é o primeiro concurso de escrita criativa do blog “Mar me Quer“. Posso dizer-vos que está a ser um grande desafio, mas estou a adorar. Participo com o intuito de criar um hábito de escrita, melhorar os meus textos e desafiar-me, ver até onde sou capaz de ir.
 
Apesar de os temas serem um pouco diferentes do que usualmente partilho por aqui, optei por mesmo assim partilhar alguns deles com vocês. 
 
 

 

“Morre com memórias não com sonhos”

O dia já amanheceu, abro os olhos e agradeço por mais uma oportunidade da vida. Ainda há muita coisa que quero fazer, muitas experiências que pretendo viver. 

Começo o dia igual a tantos outros ou mesmo igual a todos os outros. No pensamento os sonhos que tenho, as experiências que ainda quero viver. A verdade é que os sonhos não passam de sonhos, de objectivos que quero alcançar e quando nos prendemos a eles esquecemos-nos de viver, de criar memórias. Em vez de viver, sobrevivemos a uma vida que passa sem a apreciarmos, a momentos de felicidade que nos passaram ao lado ou até mesmo a ensinamentos.
Mais um dia que passou por mim, e sem me aperceber, a vida também vai passando enrolando-me numa rotina que não deixa memórias. 
E quando o novo dia começar, deixarei que tudo continue igual? Preciso de deixar de sobreviver, preciso de viver e arriscar a viver pois nunca saberei o que é ser feliz e conseguir realizar o que foi sonhado. Preciso de me deixar ir onde aquele momento me levar e quem sabe se não será o melhor que já vivi. Preciso de chegar ao fim do dia e agradecer pelo que vivi, pelo que conquistei e pelas pessoas que tenho ao meu lado. A felicidade está nas pequenas coisas, nos momentos em que fechámos os olhos e recordamos aquilo que nos fez sorrir. Nos sonhos conquistados e nos que ainda estão por conquistar. Sonhar alicia-nos a viver, a lutar e a conquistar a nossa felicidade. 
No momento da despedida da vida apenas levo o que já vivi e não o que desejava viver. Para trás ficam todos os sonhos e os desejos de ter vivido mais, de ter mais recordações.
 
 
Querem ver mais textos? O que acharam?

12 Replies to “Escrevinhar(Te) | Morre com memórias não com sonhos”

  1. Adorei o texto!! De facto é isso mesmo. Prendemos-nos tanto a criar memórias que esquecemos-nos do quão rápido a vida nos passa à frente. Isto lembra-me o facto de todos agora tirarem fotografias para terem "memórias". É um pouco descabido na minha opinião, porém é algo que habitualmente estamos a fazer. Há que deixar as câmaras e lembrar-nos das sensações e ver tudo através dos nossos olhos e não pela tela do telemóvel. Deverias trazer mais textos! Adorei! Beijinhos <3

  2. Viver e não apenas sobreviver, adorei! A felicidade está mesmo nas pequenas coisas, é preciso nunca nos esquecermos de tudo de bom que temos na vida e ficarmos gratos por isso. É dar o nosso melhor e aproveitar 🙂
    Por mais textos assim!

    Beijinhos!
    MESSY GAZING

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.